O verbo viver.


 


Hoje, aprendi qual é o significado de viver. “Viver sem amar, não é viver.” E a verdade é que se não amarmos nem que seja, pelo menos uma pessoa, não vivemos. Não sorrimos, não acreditamos. Temos medo pela simples ideia de existirmos, de magoar-mos pessoas, de sentir a felicidade do primeiro e último  amor. Quando ele foi embora. Levou um pedaço de mim. E esse nunca foi reparado. Prometeste-me que nunca, mas nunca nos iriamos separar, e agora ? Onde está essa promesa ? Foi-se quando me magoas-te, quando me abriste um buraco enorme no peito. Mesmo assim, perdoei-te, perdoei-te porque eras a minha vida, eras aquele rapaz que me fazia suspirar, eras aquele rapaz que me tinha prometido que nada nem ninguém nos iria  separar. Volta-mos a andar outravez. Voltamos a apaixonarmo-nos, mas mesmo assim, o buraco que me tinhas provocado ainda não estava completamente tapado. E foi aí que eu percebi que nunca mais conseguiriamos voltar ao que eramos antes. Trazias peluches, flores, corações, para nada. Só para o o meu coração perceber que não tinha lugar para ti. Nunca. Jámais. Para Sempre. Esse pedaço que levas-te contigo, nunca mais foi recuperado,  foste o meu maior amor, o  mais especial de todos. Deixei-te, e esse foi o meu maior erro, mas nunca mais o vou conseguir emendar. $: